Iniciação à Docência

Programa Institucional de Bolsa de iniciação à Docência (PIBID)

O que é:

O Programa Institucional de Bolsa de iniciação à Docência (Pibid) é uma iniciativa para ao aperfeiçoamento e à valorização da formação de professores para a educação básica.
O programa concede bolsas a alunos de licenciatura participantes de projetos de iniciação à docência desenvolvidos por Instituições de Educação Superior (IES) em parceria com escolas de educação básica da rede pública de ensino.
Os projetos devem promover a inserção dos estudantes no contexto das escolas públicas desde o início da sua formação acadêmica para que desenvolvam atividades didático-pedagógicas sob orientação de um docente da licenciatura e de um professor da escola.

Objetivos do Programa

  • Incentivar a formação de docentes em nível superior para a educação básica;
  • contribuir para a valorização do magistério;
  • elevar a qualidade da formação inicial de professores nos cursos de licenciatura, promovendo a integração entre educação superior e educação básica;
  • inserir os licenciandos no cotidiano de escolas da rede pública de educação, proporcionando-lhes oportunidades de criação e participação em experiências metodológicas, tecnológicas e práticas docentes de caráter inovador e interdisciplinar que busquem a superação de problemas identificados no processo de ensino-aprendizagem;
  • incentivar escolas públicas de educação básica, mobilizando seus professores como co-formadores dos futuros docentes e tornando-as protagonistas nos processos de formação inicial para o magistério; e
  • contribuir para a articulação entre teoria e prática necessárias à formação dos docentes, elevando a qualidade das ações acadêmicas nos cursos de licenciatura.

Como funciona:

nstituições de Educação Superior interessadas em participar do Pibid devem apresentar à Capes seus projetos de iniciação à docência conforme os editais de seleção publicados. Podem se candidatar IES públicas e privadas com e sem fins lucrativos que oferecem cursos de licenciatura.

As instituições aprovadas pela Capes recebem cotas de bolsas e recursos de custeio e capital para o desenvolvimento das atividades do projeto. Os bolsistas do Pibid são escolhidos por meio de seleções promovidas por cada IES.

Modalidades de bolsa

A Capes concede cinco modalidades de bolsa aos participantes do projeto institucional:

  1. Iniciação à docência – para estudantes de licenciatura das áreas abrangidas pelo subprojeto. Valor: R$400,00 (quatrocentos reais).
  2. Supervisão – para professores de escolas públicas de educação básica que supervisionam, no mínimo, cinco e, no máximo, dez bolsistas da licenciatura. Valor: R$765,00 (setecentos e sessenta e cinco reais).
  3. Coordenação de área – para professores da licenciatura que coordenam subprojetos. Valor: R$1.400,00 (um mil e quatrocentos reais).
  4. Coordenação de área de gestão de processos educacionais – para o professor da licenciatura que auxilia na gestão do projeto na IES. Valor: R$1.400,00 (um mil e quatrocentos reais).
  5. Coordenação institucional – para o professor da licenciatura que coordena o projeto Pibid na IES. Permitida a concessão de uma bolsa por projeto institucional. Valor: R$1.500,00 (um mil e quinhentos reais).

As bolsas são pagas pela Capes diretamente aos bolsistas, por meio de crédito bancário. Este ano os bolsistas foram selecionados através do processo seletivo ocorrido no segundo semestre do ano de 2016.

Subprojetos aprovados:

Subprojeto: Biologia
Quantidade de alunos: 21
Escolas parceiras: E.E. Ada Cariani Avalone
Temas a ser desenvolvido em 2017: Os biomas brasileiros e suas riquezas. 

Subprojeto: Filosofia
Quantidade de alunos: 10
Escolas parceiras: E.E. Guia Lopes
Temas a ser desenvolvido em 2017: Ética e Cidadania: Ensino e Prática

Subprojeto: História
Quantidade de alunos: 21
Escolas parceiras: E.E. Guia Lopes e E.E. Edson Bastos Gasparini
Temas a ser desenvolvido em 2017: A história Local

Subprojeto: Letras – Inglês
Quantidade de alunos: 21
Escolas parceiras: E.E. Ada Cariani Avalone
Temas a ser desenvolvido em 2017: Ensino de Língua Inglesa por meio do gênero crítica de música 

Subprojeto: Letras – Português
Quantidade de alunos: 10
Escolas parceiras: E.E. Carlos Chagas
Temas a ser desenvolvido em 2017: Intertextualidade

Subprojeto: Matemática
Quantidade de alunos: 8
Escolas parceiras: E.E. Ada Cariani Avalone
Temas a ser desenvolvido em 2017: A utilização de jogos no Ensino de Matemática 

Subprojeto: Música
Quantidade de alunos: 10
Escolas parceiras: E.E. José Viranda
Temas a ser desenvolvido em 2017: Matrizes étnicas da cultura brasileira: uma apreciação musical significativa

Subprojeto: Pedagogia
Quantidade de alunos: 21
Escolas parceiras: EMEF Geral Arone e EMEF Dirce Boemer Guedes de Azevedo
Temas a ser desenvolvido em 2017: Alfabetização, letramento e numeramento: caminhos possíveis

Subprojeto: Teatro- Artes Cênicas
Quantidade de alunos: 10
Escolas parceiras: E.E. José Viranda
Temas a ser desenvolvido em 2017: EM CENA SOM – Os 100 anos do samba 

Subprojeto: Interdisciplinar
Quantidade de alunos: 23
Escolas parceiras: E.E. Carlos Chagas
Temas a ser desenvolvido em 2017: Bullying

Receba nossas notícias
USC - Sagrado Coração

(14) 2107-7000
(14) 99825-8771

© 2017 | USC - Universidade do Sagrado Coração. Todos os direitos reservados.

Site Seguro