Ambulatório de Estomatopatologia

Sobre o Projeto

A proposta do presente projeto é a criação de um ambulatório clínico de estomatopatologia com atendimento de pacientes com lesões bucais desde seu diagnóstico precoce até o tratamento final e acompanhamento a longo prazo. Os objetivos que são almejados na proposta são: a inserção do aluno de graduação numa atividade de extensão que gere conhecimentos e experiência clínica em diagnóstico de patologias bucais e como conduzir os casos clínicos (Ensino); a inserção social obtida através do atendimento dos pacientes na detecção precoce de alterações malignas ou no tratamento de qualquer afecção bucal (Inserção social); e a obtenção de produção técnica e intelectual gerada como produto do atendimento entre pacientes e alunos de graduação e pós-graduação (Pesquisa). O projeto será executado semanalmente (às terças-feiras a tarde das 13:30-17:30h), numa clínica da USC e, duas vezes no trimestre, será realizada uma ação de extensão, através de uma campanha de avaliação bucal (triagem) em determinados centros da cidade de Bauru, no intuito de diagnosticar alterações precoces malignas que podem comprometer a saúde geral do paciente e também direcionar os pacientes com patologias bucais para este ambulatório. Além disso, as biópsias realizadas no ambulatório serão processadas e exame anatomopatológico será avaliado e laudado por um professor da equipe.



Objetivos

O objetivo geral do projeto é realizar uma atividade de extensão na área de Estomatopatologia através do atendimento do paciente com patologia bucal realizado por uma equipe de alunos de graduação, pós-graduação e professor responsável atingindo os seguintes objetivos específicos:

  1. Aprimoramento do ensino da área de diagnóstico bucal ou estomatopatologia pelo aluno de graduação e pós-graduação, os quais viverão situações de diagnóstico, procedimentos de biópsia e tratamento medicamentoso e/ou cirúrgico de patologias bucais, as quais são abordadas somente com conteúdo teórico na graduação.
  2. A inserção social obtida através do atendimento dos pacientes na detecção precoce de alterações malignas ou no tratamento de qualquer afecção bucal.
  3. Obtenção de produção técnica e intelectual gerada como produto do atendimento entre pacientes e alunos de graduação e pós-graduação (Pesquisa).

4. Tentar atrair pacientes sistemicamente comprometidos de ONGs (pacientes com AIDS) ou Instituições como Hospital Lauro de Souza Lima para cuidar da saúde bucal.


Público alvo

Pacientes com lesões bucais.


Estatística

No 1º semestre de 2018 tivemos 50 pessoas atendidas de forma direta e 150 atendimentos de forma indireta pelo projeto.


Metodologias

O projeto será de fluxo contínuo e executado semanalmente (às terças-feiras a tarde das 13:30-17:30h), numa clínica da USC e, duas vezes no semestre, será realizada uma campanha de avaliação bucal (triagem) em determinados centros da cidade de Bauru no intuito de diagnosticar alterações precoces malignas que podem comprometer a saúde geral do paciente e também direcionar os pacientes para este ambulatório tornando uma referência a longo prazo na área de Estomatologia.

Os alunos bolsistas de pós-graduação em Cirurgia terão que cumprir a atividade semanal bem como as campanhas propostas e, o aluno de graduação frequentará a clínica através de uma ação de extensão.


Receba nossas notícias
USC - Sagrado Coração

(14) 2107-7000
(14) 99825-8771

© 2019 | USC - Universidade do Sagrado Coração. Todos os direitos reservados.

Site Seguro